Três casamentos e um consultor

Antes mesmo de me educar na técnica da consultoria de estilo eu já vinha atuando como consultor, mais especificamente como consultor de estilo de noivos. No meu ateliê, tive oportunidade de atender alguns noivos que me procuraram para dar forma às suas ideias. Eles me procuraram pois a proposta de seus casamentos era bem fora do comum e não acharam lugar em que pudessem realizar seus projetos. Todos eles acabaram por me pedir aconselhamento para compor o visual completo deles, para chegar a minha proposta sempre estudei cada caso com muito cuidado.

Querendo ou não a festa de casamento envolve muito a imaginação, é a tentativa de realização de um sonho. Para aqueles que sonham com o evento a execução é muito importante e a roupa é um quesito essencial. Se pela indústria do casamento, se pelo machismo secular ou se por puro desleixo não tenho como afirmar, mas boa parte dos rapazes podem se sentir alijados dessas decisões, deixando de lado e escolhendo qualquer peça, o que for mais fácil. Abrindo mão de um profissional que poderia guiá-lo, ajudá-lo com decisões que não toma normalmente. Decisões essas que podem ficar marcadas em sua memória para o resto de sua vida.

Não raro, os noivo se permitem atuar como um mero objeto decorativo, não se importando com o que vestem deixando as decisões a cargo de sua noiva ou até da própria mãe. Mesmo que de forma desajeitada quando o rapaz ao menos busca uma identidade visual para seu dia do sim é de se elogiar.

Quero compartilhar aqui alguns casos reais em que trabalhei diretamente com esses homens que estavam em busca de orientação, queriam demonstrar seu amor por suas noivas e até por seus convidados com suas vestes, mostrando que se importam, e muito, com aquele momento. Quiseram deixar sua marca nesse dia único em suas vidas e ter sido de alguma forma parte desse processo me deixou sobremaneira feliz.


O Noivo do Balão – o primeiro noivo a gente nunca esquece. Fabiano queria uma camisa branca da melhor qualidade, mas com um caimento moderno e com personalidade. Já tinha comprado um terno cinza e uma calça preta, propus uma camisa com tecido branco com textura quadriculada para compor com a textura do blazer, com um colarinho arredondado de estilo inglês – club collar – e com uma finalização com botão dourado no colarinho.

O caimento

A dica de caimento que realizei em sua camisa foi a sobra de um ou dois dedos na relação manga da camisa / manga do blazer; assim como na relação colarinho da camisa com a a lapela do blazer. Nosso noivo ficou muito feliz com o resultado, assim como eu fiquei. E para minha surpresa, quando perguntei o local da cerimônia ele me revelou que a troca das alianças seria no alto, no cesto de um balão, achei uma ousadia muito interessante de ser realizada por uma pessoa tão calma como era esse cliente.


O Noivo da bermuda – Raul era colega do noivo do balão e chegou com suas tatuagens e uma certeza: queria casar de bermuda. Seria possível expressar seu estilo usando bermuda e manga curta e conseguir um bom resultado de estilo com essa combinação? Esse era o desafio posto. Ele já havia estabelecido que não arriscaria em cores, queria preto e brando, e só. Suas referências estéticas estavam seguras no mundo do rock e do skate.

A proposta

Assim, a proposta foi, trabalhar com texturas: linho puro na bermuda (que iria ajudá-lo, inclusive, com sua agonia de passar calor) e um algodão puro de tramado bem aberto na manga curta. Outro conselho que o Raul acatou com entusiasmo foi fazer um bordado no peito da camisa, como ele não usava nenhum tipo de acessório e queria deixar a peça mais marcante sugeri um coroa de louros para contrapor ao buquê que sua respectiva noiva usaria no dia do enlace. Papo vai, papo vêm ele confidencia que faria uma surpresa para noiva cantando no altar. Recebi as fotos da cerimônia um par de meses depois, ele de violão na mão e a noiva com lágrimas nos olhos, fiquei bem curioso em saber qual foi a faixa escolhida.


O Noivo das cores terrosas – esse foi um dos maiores desafios de minha carreira na alfaiataria e na consultoria. João conheceu nosso trabalho por indicação estava cheio de dúvida e com apenas uma certeza: queira uma cartela de cores foscas, terrosas, que remetessem ao passar do tempo à terras longínquas. O tempo era muito apertado, trabalhamos com algumas referências que achamos na internet. Ele queria alguma peça que fosse marcante, inédita.

A execução

Assim produzi um colete que poderia ser usado dupla face: uma com um tecido estampado africano congolês e a outra de brim ocre, meio tijolo. Além disso fiz uma camisa de linho puro de alta qualidade, gola padre e botões de madeira. Vencida qualquer insegurança que ele tinha com muito diálogo, vi a satisfação real em sua fase quando ele vestiu o traje completo no meu ateliê. Meses depois João compartilhou as fotos, todos animadíssimos e o colete fazendo muito sucesso na pista de dança, pena que ele tirou poucas fotos da cerimônia.

Publicado por Tiago Navarro

Meu nome é Tiago Navarro. Trabalho com vestuário masculino há quatro anos fazendo roupas sob medidas para profissionais, noivos e projetos especiais sempre buscando dar forma as ideias dos meus clientes. Comecei a desenvolver meu trabalho como consultor após perceber a demanda dos meus clientes homens que se sentiam desorientados na hora de combinar suas roupas para determinadas ocasiões. Alio meu trabalho de consultor com minhas outras formações: olho a moda com olhar de historiador, busco as origens e as funções que o vestir adquiriu com o tempo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: